sábado, 12 de novembro de 2011

Feliz Aniversário, Marcelo Tas!!!


Deixamos esta justa homenagem a um ícone de várias gerações para hoje, mesmo sabendo que seu niver foi na quinta (dia 10); mas, pra gente, o que realmente vale é a lembrança de mais uma primavera de uma das grandes mentes por trás da versão brasileira do CQC. Sua biografia é conhecida de todos nós, por isso decidimos comemorar o aniversário do Tas publicando uma entrevista dada por ele no site Tempo de Mulher; uma entrevista completamente diferente, olha isso!

Marcelo Tas, de um jeito que você nunca viu: "Se eu fosse mulher queria ter direito a ser chiliquenta", confessa o apresentador do Custe o Que Custar, o famoso CQC.

O comandante da bancada do CQC conversou com o Tempo de Mullher e confessou como seria sua versão feminina, a "Marcela Tas". Observando o jornalista no programa não se imagina que sua vida seja cercada de mulheres que moldaram seu perfil. Começando por sua avó, marcante, passando pelo casamento com a atriz Bel Kowarick, com quem tem dois filhos pequenos, Miguel, 10 anos, e a caçula e sapeca Clarissa, 6 anos.

Outra mulher na vida de Tas é a filha de 23 anos de seu primeiro casamento. Luiza é advogada e reside entre o Rio de Janeiro e Nova York. Ao falar dela são perceptíveis o carinho e a vontade de passar mais tempo com a primogênita.

Como estas (e outras!) presenças femininas têm influenciado a vida do apresentador? O Tempo de Mulher pergunta e Tas responde:

Se você fosse uma mulher como seria?

Queria ter direito a ter chilique! Eu admiro isso, a mulher é espontânea. O homem é muito metido a besta, acha que consegue controlar sua autoimagem. Ela tem esse direito, é até biológico, da natureza dela, acho isso fascinante. Pensando em tudo que já "engoli" com tudo que eu já vivi como homem, eu aproveitaria para soltar a franga.

O que acha da mulher de hoje?

Ela mudou muito e os homens estão assustados. A mulher passou por tantas coisas. Hoje já conquistou seu espaço, agora tem que deixar os homens ajudarem um pouco. Acho ótimo elas terem iniciativa, mas tem que deixar algo para nós fazermos também. Ainda estamos aprendendo a lidar com essa nova mulher. Não acho que a mulher deva voltar a ser recatada para nos conquistar, admiro muito as mulheres, elas não têm medo de mostrar quem realmente são.

O que o homem ou a mulher nunca devem fazer?

Dizer a verdade (risos). As pessoas nem sempre estão preparadas para ouvir a realidade, mas penso que tudo deve ser falado da forma certa no momento ideal.

Que mulher marcou sua vida?

Minha avó. Tive um irmão hemofílico, o tratamento era feito aqui em São Paulo, eu sou de Ituverava (interior de SP). Durante esse período na cidade grande ficava com ela, acabamos criando um elo de ligação muito forte, se firmou ainda mais quando me tornei adulto. Minha avó era uma mulher despachada, falava o que queria, me criticava, dava a opinião em tudo, até as minhas namoradas ela tinha que aprovar! Ela faleceu há pouco tempo, com mais de 80 anos. Aprendi muito com a minha avó, ela me marcou muito, era muito verdadeira em tudo que dizia e fazia.

A ciência não comprovou o que diz o famoso ditado "é dos carecas que elas gostam mais", porém, quando se fala de Marcelo Tas, as mulheres suspiram. Elas dizem "ele é muito fofo, simpático e inteligente". Então fica a dúvida, que Bel Kowarick já sabe: O que uma mulher tem que ter para conquistar o Marcelo Tas?

HUMOR! Isso é essencial em uma relação. Já vivemos tantas situações durante o dia, durante a vida, precisamos de momentos leves. Um relacionamento, até um namoro, não pode ser tudo levado tão a sério. Em situações complicadas devemos ver o lado positivo, com o humor, dessa forma temos a possibilidade de rebaixar os problemas e ver a situação de fora, achando as melhores soluções.

Marcelo Tas é um comunicador nato, apresentador, vários personagens, pai, entre diversas outras qualidades. Será que ele é tão prestativo como parece em casa?

Ajudo a cuidar de tudo, divido as tarefas. Minha esposa é atriz, ela mesma gosta de cuidar de várias coisas em casa, mas quando está em temporada eu assumo, não tenho problemas com os afazeres domésticos! Em casa eu sou um faz tudo, tipo "Pereirão" da novela, além ajudar com coisas normais tenho prazer em trocar lâmpada, consertar alguma coisa, essas coisinhas de "machinhos". Foi eu mesmo que fiz a fiação da minha casa. Gosto de cuidar da casa e das crianças, isso tudo não me incomoda. Os homens têm que dar esse suporte para suas esposas.

E o que você pensa sobre as mulheres no comando de empresas, qual a diferença entre homens e mulheres em cargo de chefia?

Eu prefiro ser comandado por mulher! Nunca tive problemas com elas, aliás, a mulher tem um sexto sentido que deve ser respeitado. Acho que é por isso que me dou tão bem com elas, eu também tenho um sexto sentido aguçado. Ela se dedica ao extremo e não rola aquela coisa de concorrência. Pelo menos entre homens e mulheres, nós já somos derrotados, não temos como competir com a mulher.

FELIZ ANIVERSÁRIO, MARCELO TAS!!!!

Fonte: Tempo de Mulher

Um comentário:

A wild Garden disse...

pOW, só vi isso hj! Mas imagino que todo o universo dará tudo de melhor a ele nesta data cabalística!